Alfinetes de lapela - Tudo o que precisa de saber!

Irá aprender tudo o que há para saber sobre alfinetes de lapela. Desde a colocação, a combinação da cor, qual o modelo certo para levar àquele evento e muito mais! E tudo isto em apenas 15 minutos.

Os alfinetes de lapela estão outra vez na moda. Durante décadas, eles apenas eram usados nos eventos mais formais, mas, atualmente, são cada vez mais usados no dia-a-dia por cavalheiros elegantes. Por isso, notámos a necessidade de nos debruçarmos sobre a arte de usá-los, já que as regras rigorosas dos eventos formais não são aplicáveis e o risco de parecer amador ou demasiado forçado é muito alto. Usado adequadamente, o alfinete de lapela é um excelente exemplo de um acessório que pode conferir ao seu look um brio inesquecível.

Este guia lhe dará a confiança necessária para usar um alfinete de lapela sempre que lhe apetecer e sem parecer disparatado. Vamos então começar pelo básico.

Esqueça o alfinete, o que é uma lapela?

Pegue numa jaqueta ou num blazer. As lapelas são as abas em tecido dobradas que se encontram acima dos botões e abaixo do colarinho.

Na foto Prendedor de Gravata Vermelho Metalizado, Gravata em Lã de Caxemira Estilo Lenhador & Lenço de Bolso em Lã Azul Xadrez Feito à Mão

Normalmente, as lapelas dos blazers ou das jaquetas dos fatos têm uma costura a contorná-las.

A maioria das lapelas tem uma casa (que pode estar aberta ou cosida) na parte superior do lado esquerdo. É aqui que o seu alfinete de lapela reposará.

Na foto Gravata em Lã de Caxemira Estilo Lenhador

Na foto, a casa do botão que pode ser encontrada na maioria dos blazers está marcada por um círculo.

Estas casas do botão foram originalmente criadas para poder fechar o blazer e manter o peito e pescoço quentes. Ao longo do tempo, foram evoluindo para acomodar especificamente os diferentes tipos de alfinetes de lapela.

Os diferentes tipos de alfinetes de lapela

O que é um alfinete de lapela? O termo aplica-se a todos os acessórios e adornos da lapela. Existem vários tipos diferentes de alfinetes de lapela, que diferem em termos de tamanho, fecho e design.

Abaixo, poderá encontrar alguns dos mais comuns:

Boutonnières

O acessório original, um boutonnière é uma flor verdadeira que se introduz na casa do botão, adicionando um toque único ao seu blazer. É normalmente usado em casamentos.

Flor de lapela ou alfinetes de lapela florais

Estes alfinetes parecem-se com flores, mas são produzidos com materiais macios como a seda, o linho, o cetim ou o algodão. Eles são presos como os boutonnières, mas geralmente são um pouco mais pequenos, no entanto, têm a vantagem de serem reutilizáveis.

Alfinetes de lapela

Os alfinetes de lapela são produzidos em diversos metais (ouro, prata, cobre, etc.). Estes alfinetes são constituídos por uma haste comprida e fina que fecha perfeitamente com um fecho em metal. Dependendo do modelo, o fecho encontra-se na ponta ou pode deslizar para cima e para baixo, permitindo-lhe um controlo total na colocação.

Mini pinos e crachás

Estes não possuem nenhuma haste e prendem-se com um fecho (borboleta, borracha ou magnético) situado diretamente atrás do crachá ou pino. Eles são produzidos principalmente em esmalte macio (rugoso) ou duro (suave). Saiba que, enquanto que um pino é usado mais para o estilo, um crachá carrega valor simbólico e é muitas vezes visto em políticos.

Broches

Ao contrário de qualquer um dos alfinetes descritos acima, os broches em fatos para homem prendem-se com um pino articulado. Eles geralmente são maiores que os pinos e apresentam algum elemento precioso ou vintage em metal.

Como usar alfinetes de lapela?

Há apenas uma regra de ouro quando se fala de alfinetes de lapela: devem ser usados na casa do botão da lapela ou no local onde esta deveria estar. Isto é, na parte superior da lapela esquerda.

Alguns fatos apresentam essas casas do botão em ambas as lapelas, mas os alfinetes de lapela devem ser sempre usados do lado esquerdo.

Os alfinetes de lapela permitem liberdade e criatividade na sua utilização, mas lembre-se que isso apenas diz respeito à escolha do alfinete e não ao local da sua colocação. O alfinete em si, se estiver à mostra, deve estar paralelo à sua lapela em vez de na perpendicular ou virado para cima. Isto é particularmente importante para hastes mais compridas, em que o ângulo errado pode arruinar o efeito pretendido. Em baixo, o lado esquerdo indica como deve ser usado o alfinete de lapela.

Na foto Flor de Lapela Dente-de-leão Azul Marinho, Lenço de Bolso Bordeaux aos Quadrados & Gravata Bordeaux ás Riscas

O lado esquerdo indica como o alfinete de lapela deve ser usado, pois a haste está paralela à extremidade dobrada da lapela. O lado direito mostra como não se deve colocar o alfinete de lapela.

A haste e o fecho podem reaparecer na parte frontal da lapela ou permanecerem escondidos atrás. É uma questão de preferência que apenas depende do seu gosto pessoal.

Com que posso usar um alfinete de lapela?

Pode usar um alfinete de lapela com praticamente qualquer coisa. Tradicionalmente, o alfinete de lapela é usado com blazers e jaquetas de fato, mas também casacos, um smoking ou diretamente na sua camisola ou camisa. Apenas não se esqueça que irá perfurar o tecido da sua roupa, o que pode deixar furos ou marcas permanentes em certas peças delicadas.

Pode combinar o alfinete de lapela com outros acessórios, como os lenços de bolso ou uma mola de gravata. Isso irá adicionar ainda mais complexidade ao seu conjunto em termos de coordenação das peças para que se complementem e não se anulem umas as outras.

A melhor maneira de o conseguir é familiarizar-se com os princípios da coordenação e com a teoria da cor, onde encontrará também um círculo cromático interativo que poderá explorar. Assim que o básico está aprendido, pode começar a brincar com o seu guarda-roupa.

Que tipo de alfinete de lapela devo escolher?

Mais uma vez, depende da sua preferência pessoal mas também da sua roupa e da ocasião.

Quando se trata de cor, estilo e tamanho, as regras não são claras, mas existem algumas regras básicas que deve ter em mente.

Pinos em metal: tente combinar os metais do seu conjunto, tais como o alfinete de lapela, os botões de punho, a mola de gravata, a fivela do cinto, o relógio e algum anel que esteja a usar. Resumindo, ou tudo dourado ou tudo prateado.

Alfinetes de lapela brilhantes e coloridos: estes geralmente combinam melhor com uma camisa neutra para maior contraste. Certifique-se de não escolher uma cor que choque com as cores que já está a usar. Um conhecimento básico da teoria da cor e algumas combinações comuns irão ajudá-lo.

Flores ou pinos de lapela tons pastel estes são mais discretos e combinam muito bem com outros acessórios. Também tendem a ser mais divertidos do que adornos mais arrojados. Por exemplo, pode misturar um verde claro com um fato azul escuro, especialmente se o alfinete/pino tiver um pouco de metal à mostra. No entanto, mesmo as cores mais claras devem sempre combinar com a sua gravata ou lenço de bolso.

Por fim, lembre-se que a arte de bem vestir defende que são os seus próprios atributos faciais e físicos que devem ser destacados. O objetivo não é chamar a atenção para a sua lapela, mas que o seu alfinete de lapela se integre com todo o seu conjunto para chamar a atenção para o que mais importa: o seu rosto. Em caso de dúvida, lembre-se sempre que menos é mais: é melhor anular-se um pouco do que parecer um palhaço.

Em que situações devo usar um alfinete de lapela?

Hoje em dia, isso depende inteiramente e apenas de si. Enquanto alguns eventos exigem um alfinete de lapela ou boutonnière, seja pela tradição ou pelo código de vestuário, não há praticamente nenhum evento onde não pode usar um alfinete de lapela.

No entanto, preste atenção ao tipo de evento antes de escolher qual alfinete de lapela vai usar.

Na foto Gravata em Malha Mogno Rico, Alfinete de Lapela Veado Real Prateado & Lenço de Bolso Colegial às Riscas

Um alfinete de lapela discreto com um veado pode fazer maravilhas num conjunto mais profissional.

Boutonnières e flores de lapela são geralmente mais formais e chamativos, mas mesmo quando usados em conjuntos mais descontraídos, são os mais adequados para eventos sociais. Se quer usar acessórios no local de trabalho, opte por um pino metálico mais discreto que ainda assim seja chamativo mas menos...florido.

Tudo o que precisa de saber sobre o boutonnière

Um boutonnière é uma flor recém-cortada para a sua lapela, que poderá adquirir numa florista ou num jardim perto de si. Tradicionalmente reservados para os eventos mais formais, como os casamentos, os funerais, as noites de baile de gala ou mesmo as corridas de cavalos, os boutonnières têm uma classificação própria quando se fala de acessórios de lapela.

O boutonnière mais comum é o cravo branco, o lírio ou a rosa, mas outras flores, como as orquídeas, também podem ser usadas.

Mantenha-o fresco

O boutonnière deverá estar o mais fresco possível. A melhor solução é cortá-lo no último minuto, mas sabe que flores diferentes duram períodos de tempo diferentes. Por exemplo, os cravos são relativamente duradouros enquanto que as rosas têm uma vida útil mais curta.

Um boutonnière é uma flor recém-cortada para a sua lapela, que poderá adquirir numa florista ou num jardim perto de si.

Seja qual for a flor, poderá mantê-la deslumbrante com as dicas seguintes:

Spray com água: esta é uma maneira simples de manter o seu boutonnière fresco durante o dia/noite. Apenas não exagere, não quer que pareça molhado ou que salpique água na sua camisa ou blazer.

Use selante para flores: os floristas geralmente arranjam um selante especial, concebido para manter as pétalas e os caules hidratados por períodos mais longos que a água.

Use um pequeno vaso: sim, isso mesmo! Os vasos eram populares nos tempos eduardianos e ficavam escondidos atrás da lapela para manter as flores hidratadas. Poderá acrescentar um pouco de volume ao seu peito, mas irá obter pontos extra para o estilo vintage. Existem também modelos que ficam à mostra, em cima da lapela, fazendo com que haja mais um motivo para iniciarem conversa consigo.

Mantenha-o no frigorífico: se tiver que cortar o seu boutonnière antes de usá-lo, deixe-o num copo de água no frigorífico.

Nenhuma fruta é permitida: isso pode parecer estranho, mas deve guardar as suas flores longe da fruteira. Frutas, especialmente maçãs, libertam gás etileno que faz com que as flores murchem mais rápido.

Como usar um boutonnière

Embora não seja complicado, existem certos princípios a seguir para que o seu boutonnière pareça tão deslumbrante quanto possível:

  • Assim como outros alfinetes de lapela, a flor deve ser posicionada dentro da casa do botão ou perto dela.
  • Em muitos blazers formais, encontrará um fio atrás da lapela para manter o caule no lugar e escondido.
  • A flor não deve estar virada para o seu peito.
  • Quaisquer folhas devem ser colocadas atrás das pétalas para não serem tão visíveis.

Alguns blazers não têm uma casa do botão. Neste caso, tem duas opções:

  1. Leve o seu blazer ao alfaiate e peça para colocar uma casa de botão.
  2. Prenda a flor na sua lapela com um alfinete. Certifique-se que segue as regras de colocação e posição do caule (paralelo à lapela), mas note que esta opção é menos elegante que a opção 1.

Outras flores e alfinetes de lapela para ocasiões especiais

Além de eventos dignos de boutonnière, há algumas ocasiões especias em que é quase obrigatório usar adornos na sua lapela.

Estamos a falar das papoilas do dia do Armistício (no Reino Unido) e as medalhas militares.

No dia do Armistício as papoilas são usadas ​​nos antigos países do Império Britânico (Canadá, Austrália e Nova Zelândia), bem como no Reino Unido durante duas semanas antes de 11 de novembro e no 25 de abril (dia de Anzac - apenas na Austrália e na Nova Zelândia). Independentemente de quando as usa, as papoilas do dia do Armistício são vermelhas, artificiais ou naturais e vendidas por instituições de caridade para beneficiar veteranos de guerra. As regras para usá-las são iguais a todos os outros alfinetes mencionados.

As medalhas militares também seguem uma etiqueta rigorosa quando são usadas em roupas civis, e sim, também se usam na lapela esquerda. A principal diferença relativamente aos alfinetes tradicionais é que as medalhas devem ser colocadas na lapela horizontalmente (têm fechos próprios para o efeito). Elas são sempre alinhadas numa só linha que pode até transbordar para o seu peito. A mais antiga é colocada à direita e as restantes são adicionadas por ordem decrescente. E não deve usar lenços de bolso, para não distrair das conquistas militares.

Inspire-se

Inspire-se nos nossos looks semanais mais recentes e veja como usámos os nossos alfinetes de lapela.

Mais um pouco de história sobre os alfinetes de lapela

Apesar daquilo que ouviu, o príncipe Albert não inventou a casa do botão ou o boutonnière. Já deve ter ouvido a história romântica de como ele fixou no seu peito, num lindo gesto romântico, as flores que a rainha Victoria lhe deu - mas não, nada disso aconteceu. As jaquetas dele nem sequer tinham lapelas...

As lapelas existem há muito tempo e derivam dos uniformes militares, com os colarinhos altos e as abas que se vêem nos casacos à grilo do Lord Nelson. Estes tinham muitos botões e casas, e a casa do botão no topo era muitas vezes deixado incabado. Aqui está a origem da lapela e da casa do botão.

Os boutonnières tornaram-se particularmente populares durante o século 19. As flores eram frequentemente associadas à masculinidade e os boutonnières estavam quase sempre presentes na roupa masculina.

Os boutonnières foram muitas vezes substituídos por alfinetes de lapela e outros adornos ao longo dos anos 1900. Mas os boutonnières estiveram sempre reservados para eventos muito formais, enquanto que os alfinetes de lapela sempre foram associados a eventos um pouco mais casuais.

Um apontamento final acerca dos alfinetes de lapela

Ok, agora que já sabe tudo o que há para saber sobre os alfinetes de lapela e sobre os primos mais sofisticados, os boutonnière. Sim, utilizá-los pode parecer um pouco intimidante no início. Mas confie em nós, depois de um pequeno periodo de experimentação, irá perguntar-se porque demorou tanto tempo a dar-lhes um voto de confiança. O número de elogios que receberá irá compensar de longe qualquer sentimento de ter exagerado nos acessórios.

Lembre-se que, como em tudo relacionado com o estilo, a confiança é o segredo. Então comece com um alfinete de lapela que se situe no limite da sua zona de conforto e veja o quão longe pode ir.

Perguntas e respostas

Porque está uma casa do botão na lapela?

Tradicionalmente, a lapela fechava-se para manter o peito quente e assim o botão era tão prático quanto os botões situados mais abaixo.

Ao longo do tempo, a casa do botão evoluiu para acomodar especificamente boutonnières e alfinetes de lapela.

Como coloco um alfinete de lapela?

Coloque-o através da casa do botão da lapela.

Pode espetar a agulha de volta para a parte frontal da lapela ou mantê-la escondida atrás.

O fecho na extremidade mantém o alfinete no lugar.

Porque as pessoas usam alfinetes de lapela?

As razões dependem da ocasião e da pessoa.

Às vezes, por simbolismo, como bandeiras ou papoilas (no Reino Unido). Outras vezes, por tradição e pertença a um grupo, como nos casamentos. E, ainda outras vezes, apenas para adicionar um toque extra de elegância à sua roupa.

De que lado devo colocar o alfinete de lapela?

Todos os acessórios de lapela devem estar do seu lado esquerdo.

Porque se usam alfinetes de lapela do lado esquerdo?

Algumas pessoas afirmam que é para colocar o alfinete perto do coração, mas a verdadeira razão é bastante menos romântica.

Antigamente, as lapelas eram fechadas, tal como os restantes botões do seu blazer, para manter o peito quente. Desta forma, a casa do botão tinha uma função prática. Na moda masculina, as casas do botão são sempre do lado esquerdo; para apertar os botões mais facilmente (para direita).

É também por isso que as casas dos botões nas senhoras estão no lado direito, já que a expectativa era que alguém os apertasse.

Posso usar um alfinete de lapela num smoking, casaco ou camisola?

Absolutamente. Aplicam-se as mesmas regras das jaquetas e dos blazers normais.

Note que com um smoking, irá querer usar uma flor branca para um visual mais elegante.

Numa camisola, terá de furar o tecido, então certifique-se de não fazer muitos buracos.

Devo esconder o fecho do alfinete de lapela?

Não existe uma regra estanque. O fecho no final pode estar à vista na parte frontal da lapela ou não. Depende do seu gosto pessoal e daquilo que considerar melhor.

O que é um boutonnière?

Uma flor ou várias flores concebidas para serem usadas na lapela. As flores mais comuns são os cravos, as rosas e os lírios.

Quando usar um boutonnière?

Atualmente, os boutonnières estão reservados para ocasiões formais, como os casamentos ou os bailes de gala, bem como as corridas de cavalos.

No entanto, para o gentleman moderno, não há motivo para que não possam ser uma parte integrante frequente do seu look.

De que lado deve ser colocado o boutonnière?

Tal como os alfinetes de lapela, os boutonnières devem ser sempre usados no lado esquerdo.

O que é uma flor de lapela?

Este é um acessório moderno criado para substituir um boutonnière.

Representa uma flor, mas pode ser usada em ocasiões mais casuais.

Quem deve comprar o boutonnière?

Depende do evento.

Para bailes de gala ou outros eventos sociais, o parceiro ou acompanhante deve comprar o boutonnière.

Em casamentos, o organizador, muitas vezes, informa qual a flor a usar.

Como é que se mantém um boutonnière fresco?

Borrife-o com água mais ou menos todos os 30 minutos. Deve borrifar e não encharcar.

Também pode comprar selante de flores no florista para prolongar a sua frescura.

Lembre-se de não comprar o seu boutonnière muito antes do evento. Se não o puder comprar no próprio dia, mantenha-o no frigorífico para manter o máximo de frescura.

Devo mostrar o boutonnière inteiro ou escondo o caule?

O caule deve ser introduzido na casa do botão da sua lapela, ficando desta forma escondido.

Se não tem nenhuma casa do botão ou se usar a flor numa camisola ou camisa, o caule ficará visível, pois terá de usar um alfinete no caule para segurar o boutonnière no lugar.

Posso usar um boutonnière ou um alfinete de lapela e uma mola de gravata ao mesmo tempo?

Pode, mas seja cuidadoso. Demasiado metal pode sobrecarregar facilmente um visual e de uma aparência sofisticada e elegante, pode correr o risco de ficar com um look exagerado.

Posso usar um alfinete de lapela num casamento?

Depende do tipo de casamento. Mas a menos que seja um casamento extremamente elegante, sim pode.

Ir para o topo